Blog > Stories @Axians > “Era o meu primeiro emprego e ia correndo mal. Mas o desfecho surpreendeu-me.”

As primeiras semanas da Ana num novo projeto foram um exemplo de superação. Mas não saiu da sua zona de conforto sozinha. Esta é a história da Ana @Axians.

 

Já perdi a conta às vezes que me perguntaram se sou programadora ou matemática. A minha resposta é sempre a mesma: sou uma descobridora.

Uso a programação como ferramenta para fazer o que mais me apaixona, que é encontrar tesouros escondidos num mar de dados. Uso o big data e ferramentas estatísticas para descobrir pérolas de informação que estão à vista de todos, mas que só eu vejo. Quando me juntei à Axians, era exatamente isto que fazia: usava o poder dos dados para ajudar empresas a criar melhores soluções, mais centradas nas pessoas. Era um trabalho desafiante, com uma enorme capacidade de transformar as organizações e até a sociedade.

Trabalhei com clientes em vários setores (em estágio). E não fiquei apenas sentada no escritório a escrever linhas de código - resolvi os problemas no terreno, partilhei o meu conhecimento, conheci pessoas muito diferentes e construí relacionamentos profundos.

Sempre senti que estava a contribuir de maneira significativa em todos os meus projetos, enquanto aumentava a minha experiência e o conhecimento do setor. E quando usava produtos que tinha ajudado a desenvolver no meu dia-a-dia, via que o que fazia tinha um valor palpável.

Tinha influência sobre os resultados, mais até do que imaginava ser possível. Beneficiava de um ambiente realmente empreendedor para experimentar, para arriscar e para fazer algo novo, todos os dias.

No entanto, a chegada de um novo projeto mudou tudo isto. De repente, estava fora da minha zona de conforto, com dificuldade em dar um contributo e fazer uma diferença significativa. Simplesmente não me sentia confortável neste novo desafio e tinha a sensação de estar a perder tempo precioso.

A minha resposta foi ter uma conversa franca com a minha manager. Falámos sobre as expectativas para o projeto e as dificuldades que sentia. Sinceramente, esperava algumas palavras de conforto, alguma empatia e compreensão, mas que, no final, me pedisse para voltar ao projeto e dar o meu melhor. Felizmente, não foi isso que aconteceu.

Em conjunto, decidimos enfrentar o problema de frente e reunir de emergência com as pessoas responsáveis pelo projeto em questão. Uns dias depois, já tínhamos revisto as minhas responsabilidades, para que me pudesse concentrar nas áreas mais diferenciadores em que de facto posso fazer a diferença. E assim, em poucos dias, estava resolvido um problema que me atormentou durante semanas e com o qual pensava ter de viver.

O aspeto mais inesperado de tudo isto foi a reação dos clientes. Depois da intervenção da minha manager houve, primeiro, surpresa genuína que logo evoluiu para compreensão e, finalmente, respeito. Valorizaram a honestidade e transparência e o facto de termos levantado o tema para benefício de todos. Foi o (re)início de uma relação que se tornou mais produtiva e prolífera, com resultados que cedo se manifestaram. Imediatamente, passei a sentir-me ouvida e valorizada.

A partir desse momento, fui chamada para resolver alguns dos desafios mais difíceis da organização. Tive um apoio extraordinário dos meus colegas para trazer toda a minha energia para as discussões. A cultura positiva da Axians ajudou-me a não ter medo de partilhar as minhas perspetivas e ideias sobre tópicos desconhecidos, mesmo que esteja errada. Este ambiente especial ensinou-me a encontrar a minha confiança e ajudou-me a crescer num curto período de tempo, mais do poderia em qualquer outro lugar.

No ano passado, decidi sair da Axians para aprofundar conhecimentos num setor de que gosto. Apesar da mudança, não esqueço os anos passados na Axians. Ou a forma como a liderança apoia as nossas decisões, e nos incentiva a sermos proativos em relação aos nossos objetivos pessoais. Além disso, recordo o ambiente em que aprendíamos constantemente uns com os outros. Não tenho qualquer dúvida de que a Axians é a melhor plataforma para crescer a nível profissional, ganhar competências e conhecer diferentes realidades.

Se a história da Ana @Axians te entusiasma, candidata-te a uma das posições em aberto.

Encontra um emprego como o dA ANA