Blog > Stories @Axians > O que leva alguém a trocar anos de carreira na investigação por uma empresa de tecnologia? A Eugénia explica.

Como investigadora, parecia destinada a destacar-se: tinha vocação, foco e currículo. Mas não se arrepende de ter trocado tudo por uma nova carreira. Esta é a história da Eugénia @ Axians.

A entrevista de recrutamento tinha tudo para correr mal.

Quando perguntaram à Eugénia o que a tornava uma boa escolha para a posição, deve ter sido a primeira pessoa de sempre a responder “nada”.

Não tinha as competências técnicas ou experiência em IT. E ainda disse que adorava o que fazia antes – numa área que não podia ser mais diferente.

Como engenheira biomédica, passara os últimos anos entre o laboratório e os artigos científicos. Conseguira bolsas, fora publicada, construíra um currículo invejável.

Em quase uma década como investigadora aprendera muito – e não só sobre a sua especialidade.

Aprendeu também a ser rigorosa. A procurar sempre o porquê das coisas. E a ser resiliente: a certa altura, quando a linha de pesquisa que escolhera não deu os frutos que esperava, não se importou de deitar fora meses de trabalho – e recomeçar.

Candidatar-se à Axians foi um recomeço ainda mais radical. A próxima bolsa até já estava garantida, mas a Eugénia queria mais. Mais desafios, mais oportunidades de progressão e uma vida mais estável do que no mundo académico.

A sua resposta na entrevista, no entanto, não podia ser mais honesta. No mundo da tecnologia, sentia-se mesmo – mais uma vez – a começar do zero.

O entrevistador não viu as coisas assim. O rigor, a exigência, a resiliência que a Eugénia trazia da carreira anterior não lhe passaram despercebidos. E a Eugénia ficou com a vaga. As competências técnicas? Com o seu perfil, não havia dúvida de que as conseguiria aprender.

Não é que tenha sido fácil. Nos primeiros tempos, até sentiu saudades dos protocolos de laboratório. Valeu-lhe a tal resiliência – mas não só.

Se, enquanto investigadora, muitas vezes se sentira sozinha no seu trabalho, aqui foi totalmente diferente. A entreajuda e o espírito de equipa só não a surpreenderam porque era o que já lhe tinham dito que encontraria na Axians. “Temos todos perfis muito diferentes, mas o ponto comum é que todos aqui se ajudam”, explica. “É o que torna muito mais fácil resolver qualquer problema”.

Com um dia-a-dia nunca monótono, e um bom equilíbrio entre a vida profissional e a pessoal, hoje só uma coisa tira o sono à Eugénia. Em breve defenderá a sua tese de Doutoramento.

Concluiu-a – e não foi fácil – quando já estava na Axians, porque não é pessoa para deixar coisas a meio. Mas, com isto, fecha um ciclo: a nova carreira é para continuar.

E tu, também gostavas de fazer parte de uma equipa em que o teu background conta, seja ele qual for – mas onde aquilo que és como pessoa conta ainda mais? Espreita as vagas que estão disponíveis. Qualquer que seja o teu perfil, talvez uma delas seja para ti.

 

Sobre a Eugénia

Integrada na equipa Tech Talent, da Axians, a Eugénia é responsável de qualidade de sistemas numa das maiores organizações nacionais. Todos os dias, ajuda a garantir que as infraestruturas que permitem conectar milhões de portugueses estão a funcionar sem falhas. E continua a fazer novas descobertas, todos os dias. É uma pessoa bem real, tal como toda a sua história até chegar à Axians. Por uma questão de confidencialidade, não divulgamos o seu apelido.

 

Sobre a Axians

A Axians é uma marca do grupo VINCI Energies, dedicada à Transformação Digital das empresas portuguesas. Cultivamos uma relação de proximidade, e acreditamos que a tecnologia só faz sentido com um toque humano. Trabalhamos com algumas das maiores empresas nacionais em projetos de cibersegurança, redes empresariais, infraestrutura digital e novas soluções inteligentes.

Mas vemos para além do trabalho. Também financiamos projetos propostos pelos nossos colaboradores, e que atuem em quatro áreas de intervenção social: empregabilidade, inclusão social pela via da habitação, mobilidade solidária e atuação em bairros prioritários. Estamos a recrutar e queremos contar contigo.

 

Como te podes candidatar

Na Axians, estamos sempre à procura de pessoas com talento e motivação. Se achas que tens o que é preciso, estas são três vagas que te podem interessar:

 

 

Há muitas outras vagas para developers em Lisboa e no Porto. 

 

VER POSIÇÕES DISPONÍVEIS